Páginas

terça-feira, 14 de setembro de 2010

Longe do meu olhar

Não me contento com um sorriso torto
Olhar afastado
Você distante de mim
Não aceito um aceno cordial
Uma conversa trivial
Beijos no rosto e tchau
Se for assim prefiro não te ver
Pra poder te esquecer
Não que isso eu queira fazer
Lembranças
Memórias
Uma bela história
Não sei se há solução
Mas aqui bate um coração
Amor virando solidão
Páginas a virar
Passos a caminhar
E você assim
Tão longe do meu olhar

5 comentários:

  1. E todos so escritos de amor, palavras sem cessar não descreveriam o quão grande é este sentimento. Gostei muito deste seu post. Não da pra ser parcial ao amar, ou é ou não é..........

    Abçs

    ResponderExcluir
  2. aii que linduuu! eu adoreii....

    ResponderExcluir
  3. MUITO BOM!

    Você diz 'prefiro não te ver', que bom se você tiver essa opção... E quando não dá certo e somos obrigados a encontrar aquela pessoa diariamente? Passei por isso recentemente e é horrível.

    Gostei muito do texto, posso roubá-lo pra divulgar no meu? Coloco o link daqui. rsrsrs
    Bjo

    ResponderExcluir
  4. Obrigada à todos que comentaram, fico muito feliz em saber que existem pessoas que gostam do que escrevo aqui, rs..

    Mente Hiperativa, eu te deixo roubar o texto sim! =) ... só deixar o link.. rs.. bjus

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails