Páginas

sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Boba ela


Ela acordada de uma noite mal dormida, com um sono que não sucumbia à tentação do mundo dos sonhos. Passou a noite acordada, o dia todo, milhares de horas pensando, repensando no que devia fazer.
Haveria de por um fim em tudo, em alto e bom som lhe falar o que estava sentindo.
Não, ela não se sentia à vontade em ouvi-lo mais uma vez se desculpar. Não, ela não poderia aceitar por mais uma vez levar a culpa como se tivesse errado, e não ele. Sabia perfeitamente que mais tempo só adiaria o fim inevitável, só tornaria mais difícil o entendimento que era improvável, e depois de tudo ela ficaria ainda mais triste e insegura por não ouvir a voz da razão.
As breves pausas eram suficientemente longas porque a espera era incerta. O simples barulho de motor de um carro qualquer lhe causava tremor. E ela sabia que estes milhares de carros que passavam na rua não eram o dele. Quanto mais pensava, mais sentia que a melhor alternativa era deixá-lo ir, o problema é que ela não teria paz dessa forma, e era justamente isso que ela buscava naquele momento.  Provável que se ela não o procurasse tudo o que houve entre os dois ficaria vago, e tudo que poderia acontecer, não mais seria.
Mil horas a mais, milhares de impulsos em ligar, e ela se controlava. Mas quanto mais conseguiria aguentar?
E num segundo, eis que tudo muda quando ouve algo lá fora, desta vez tinha certeza, não era um barulho qualquer.
Ela sabia do quanto se arrependeria de sua decisão um pouco mais tarde, e o quanto iria se odiar por ser tão fraca.
Por mais uma vez seu coração bobo e machucado era o impulso que lhe direcionava, e naquele momento, de uma coisa ela estava certa, não o deixaria partir.

3 comentários:

  1. Oi!! Há algum tempo sigo teu blog, gosto muito do teu espaço, muito mesmo. Te mandei o prêmio DARDOS! Vai lá no meu blog depois para pegar a logo. Beijo.. Atenciosamente, Dariurt.

    ResponderExcluir
  2. Fazer o que ne? Se somos assim, queremos odiar e mesmo esquecer, mas quando nos vemos frente a frente com o espelho do amor nao queremos perder..
    Obrigado por seguir, sigo vc tbm...

    ResponderExcluir
  3. Valeu Dario, fico feliz pelo reconhecimento!

    É isso aí, nem sempre temos controle da situação..

    Valeu pelas reações.. bjus

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails